Artigo: O Brasil, as potências emergentes e a busca pela igualdade de status (Gleichberechtigung) no cenário internacional por meio da cooperação em concertações minilaterais

 

Introdução

Hodiernamente, ainda se nota que grandes decisões internacionais são tomadas pelas potências estabelecidas. Entretanto, as potências emergentes, dentre elas o Brasil, vem demostrando que, de fato, podem adicionar certo dinamismo no trato das questões difusas (meio ambiente, desenvolvimento, crises econômicas etc.). A atuação unilateral das potências emergentes nem sempre resulta em sucesso, o que as fazem cooperar entre si, a fim de ter suas opiniões ouvidas e acatadas no cenário internacional. Concertações minilaterais, como BRICS e IBAS, e, aglomerações com objetivos comuns, como G-20 comercial e financeiro, são exemplos, deveras influentes de cooperação e de inserção internacional, utilizados pelas potências intermediárias com o intuito de fazer ecoar suas vozes em diferentes instâncias internacionais. Embora, às vezes, faltem tanto institucionalização como coordenação entre os emergentes, o fato de se conseguir discutir temas independentemente das potências estabelecidas é um grande avanço em um mundo que está caminhando, cada vez mais, para a multipolaridade, implicando em novos equilíbrios de poder. Neste artigo procurar-se-á demonstrar a relação do Brasil perante as outras potências intermediárias, a cooperação interestatal por meio das concertações internacionais e a busca de igualdade de status (Gelichberechtigung), por parte dos emergentes, no cenário internacional.

Leia o artigo completo: O Brasil, as potências emergentes e a busca pela igualdade de status (Gleichberechtigung) no cenário internacional por meio da cooperação em concertações minilaterais.

Tópicos Relacionados:

Anúncios

3 Respostas para “Artigo: O Brasil, as potências emergentes e a busca pela igualdade de status (Gleichberechtigung) no cenário internacional por meio da cooperação em concertações minilaterais

  1. Pingback: Política Internacional: A Ásia e o Brasil (Japão, Tigres Asiáticos e Coreia do Norte) | Um pouco de tudo·

  2. Pingback: Edital de Política Internacional: resumos & fichamentos | Internacionalista·

  3. Pingback: 6 artigos para entender os BRICS | Internacionalista·

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s